VILA GALÉ COLLECTION PAÇO DOS ARCOS

Palácio dos Arcos

VIRADA PARA O TEJO, A UNIDADE CINCO ESTRELAS PERTENÇA DO GRUPO PORTUGUÊS VILA GALÉ APRESENTA-SE COMO UM RETIRO DE PAZ E TRANQUILIDADE

POR SANDRA M . PINTO

E na antiga vila de pescadores que a cadeia nacional Vila Galé decidiu abrir o seu primeiro cinco estrelas. Esta não é só mais uma unidade, pois está instalada num espaço único que carrega uma forte herança histórica, o Palácio dos Arcos. Brindado pelo sol que aquece todos os seus espaços, o hotel acolhe todas as valências que as suas cinco estrelas implicam. A elas junta-se uma simpatia constante por parte dos elementos do staff, os quais demonstram um extremo cuidado e atenção para com os hóspedes, de modo a que nada falhe e que a estadia seja, efectivamente, perfeita.

Mais do que uma boa localização

À primeira vista é a localização que encanta. De facto, vamos encontrar o edifício construído no final do século XV e que viria a dar nome à vila, à beira daquela que muitos consideram a mais bela estrada portuguesa, a Marginal, com uma vista privilegiada para a o rio Tejo. Já o nome foi buscá-lo aos arcos que sustentam a espaçosa varanda que embeleza o corpo central da construção, o qual está ladeado por duas imponentes torres laterais. Desde sempre ligado à monarquia nacional, diz a tradição que D. Manuel I, o Venturoso, e sua filha, eram ali presença constante ao frequentarem as inúmeras caçadas na quinta do morgadio de Paço de Arcos criado em 1698 por D. Teresa Eufrásia de Meneses, que foi da varanda do palácio que D. Manuel I viu partir as naus e caravelas portuguesas a caminho da Índia, e que D. Fernando, D. Luís e a rainha D. Maria Pia alise deslocavam com alguma frequência para assistir às célebres regatas de Paço de Arcos. Adquirido pela família Lencastre, cujo brasão se encontra exposto na varanda do edifício, o hotel mantém a capela com o altar barroco dedicado desde a construção do edifício a Nossa Senhora do Rosário. Tendo o cuidado de preservar cada pedaço da história do palácio, o grupo Vila Galé fê-lo renascer, agora como uma unidade hoteleira de destacada qualidade e imenso charme.

A magia da poesia gravada nas paredes

Cada esquina da zona histórica da vila de Paço d’Arcos transporta um pouco da herança da localidade desde sempre apreciada pela monarquia e pela nobreza. A tudo isto o Vila Galé presta homenagem ao preservar o Palácio que desde sempre foi o ex-libris da localidade. Chegamos em família para descobrir isto tudo e depressa percebemos que a unidade, apesar de diferente das restantes, apresenta igualmente um forte pendor “family friendly”, o que muitos nos agradou. A todos encantou desde logo a maravilhosa vista sobre o Tejo, a qual pode ser apreciada desde as enormes janelas dos aposentos, três quartos e duas suítes no edifício original e 71 quartos no edifício novo. Dedicados a escritores e poetas da língua portuguesa, todos surgem perante os visitantes como espaços de tranquilidade e muita comodidade. Perfeitos para estadas a dois ou em família cada um serve os seus propósitos de uma forma perfeita. Espaçosos, apresentam apelativas varandas onde se podem passar agradáveis momentos, assim o tempo atmosférico o permita. Percorrer o hotel é contactar com alguns dos mais belos versos escritas na língua de Camões, ele próprio objecto de homenagem, à semelhança de outros, como Florbela Espanca, Fernando Pessoa, Vinicius de Moraes ou Eugénio de Andrade. Espalhada pelas paredes dos corredores e dos aposentos, a poesia dá vida à unidade. E que bonito é ver os hóspedes parar para “dizer” as belas palavras um dia escritas pelos grandes nomes da literatura de língua portuguesa e nestas paredes para sempre imortalizadas.

Tempo para relaxar

SE O TEMPO ASSIM O PERMITIR NÃO DEIXE DE PASSEAR E DESCOBRIR CADA RECANTO DO JARDIM DO HOTEL.

E, quando o calor chegar na época mais quente do ano não se coíba de dar um mergulho na piscina, relaxando num das espreguiçadeiras com vista para o azul do Tejo. Apetecível durante todo o ano, o spa Satsanga Collection abre as portas para receber os que desejam relaxar com uma massagem ou tratamento, melhorar a sua condição física no ginásio ou simplesmente usufruir da piscina interior, da sauna, do jacuzzi ou do banho turco.

Um palácio, muitas facetas

É no edifício original que se sente a essência do palácio, desde logo à entrada pois é ali que se encontra a recepção. Nos pormenores da decoração a história que inunda o espaço. Check-in feito e malas colocadas no aposento que nos foi destinado, era altura de descobrir as outras áreas comuns que integram a unidade hoteleira. Desde logo o bar Pessoa Lounge cuja decoração em tons dourados e carmim nos leva até ao ex-libris do hotel, a fabulosa varanda debruçada sobre a marginal onde todas as tardes é servido o “Chá da Rainha”. Percorrendo este piso descobrimos mais dois espaços fora de série: a biblioteca e a vinoteca repleta de bom vinho, não deixe de os desvendar. Um dos enfoques de todas as unidades do grupo é a gastronomia, e no Vila Galé Paço d’Arcos não é diferente. Da responsabilidade do chef Francisco Ferreira, o restaurante Inevitável apresenta uma selecção de excelentes pratos que deixam o palato dos mais exigentes gourmands plenamente satisfeito. Se durante o dia o restaurante se apresenta como um espaço inundado de luz, é à noite que o seu charme renasce para receber, num ambiente cozy e muito elegante, os hóspedes que chegam para desfrutar de momentos únicos de partilha e comunhão em redor de saborosas e bem confecionadas sugestões gastronómicas. Uma referência ao brunch de domingo. Este não é um brunch qualquer. Este é um dos mais variados que tivemos ocasião de degustar. Com uma diversidade de opções entre quentes, frios e sobremesas revela-se VILA GALÉ COLLECTION PAÇO DOS ARCOS Largo Conde das Alcáçovas, 3 2770-031 Paço de Arcos uma escolha acertada para experimentar em família. É aconselhável reservar com alguma antecedência pois os lugares são limitados e a procura muita. Distando uns meros 15 minutos dos centros de Lisboa e Cascais, o Hotel Vila Galé Collection Palácio dos Arcos aguarda a sua visita. Não se faça rogado, faça-lhe a vontade e passe por lá. Temos a certeza que será a primeira de muitas visitas.

 

Ler Mais
Outras Notícias
Comentários
Loading...