United Airlines adquire participação na Fulcrum BioEnergy

O investimento de cerca de 27 milhões de euros é o maior alguma vez feito por uma companhia aérea americana em combustíveis alternativos.

A United Airlines anuncia um investimento de 30 milhões de dólares na Fulcrum BioEnergy, uma empresa pioneira no desenvolvimento e comercialização de resíduos municipais sólidos convertidos em combustível sustentável para aviação e de baixo preço. Para além do capital investido, as duas organizações decidiram o desenvolvimento conjunto de mais de cinco projectos localizados junto aos hubs United, esperando ter potencial para produzir cerca de 680 milhões de litros de combustível por ano.

Este acordo procura diminuir a pegada ecológica da companhia aérea através do uso de biocombustível sustentável, e consequente redução das emissões de carbono, ao mesmo tempo que desvia resíduos de aterros sanitários e cria novos postos de trabalho nas comunidades onde as instalações da Fulcrum estão situadas. A empresa espera que a operação comercial da primeira fábrica de combustíveis alternativos comece a funcionar em 2017.

«Os combustíveis alternativos constituem uma indústria emergente, vital para o futuro da aviação e esta é apenas uma das nossas iniciativas para ajudar a tornar estes combustíveis vendáveis e com escala suficiente», afirma Brett Hard, vice-presidente executivo e advogado da United Airlines. O responsável realça que este é um investimento vantajoso para a própria companhia, uma vez que «os biocombustíveis têm o potencial de enfrentar a volatilidade dos futuros preços do petróleo e as regulações do carbono».

Outras Notícias
Comentários
Loading...

Multipublicações

Marketeer
Spotify reinventa (com humor) clássicos da música
Automonitor
Club MX-5 Portugal numa aventura pelos Vinhos do Alentejo