“Travel Risk Map” de 2020: saiba quais os países mais perigosos do mundo

Foi revelado um novo mapa com os países mais perigosos do mundo para 2020.

Criado pela International SOS, entidade composta por especialistas em riscos globais, o mapa classifica a segurança dos países de acordo com três critérios diferentes: médico, de segurança e de segurança rodoviária.

Nas duas primeiras categorias, os países recebem uma classificação em cinco, enquanto a segurança rodoviária é classificada em quatro com base na taxa de mortalidade por 100 mil pessoas.

O estudo leva em conta vários factores que ameaçam a segurança e a saúde do viajante, tais como violência política (terrorismo, guerras ou insurgências), instabilidade social (violência sectária ou étnica), criminalidade, doenças infecciosas, assistência e infraestrutura médica, entre outros.

De acordo com o “Travel Risk Map” de 2020, a Líbia, a Somália, o Sudão do Sul e a República Centro-Africana, são os países mais perigosos do mundo, o que significa que estes quatro países africanos pontuaram na faixa de segurança mais baixa de cada categoria.

No outro extremo da lista surgem a Islândia, a Noruega, a Finlândia, a Dinamarca, a Suíça, o Luxemburgo, a Eslovénia, Andorra e o arquipélago norueguês de Svalbard com os melhores resultados nos três critérios.

O Reino Unido recebeu a classificação de “baixo” para risco médico e a mais baixa classificação de mortalidade para segurança no trânsito, mas foi classificado como “baixo” em vez de “insignificante” na categoria de risco de segurança para viagens.

Outros países classificados como de risco“extremo”  à segurança são o Mali, a Síria, o Iraque, o Iêmen e o Afeganistão.

Com a classificação de “muito alto” risco médico de viagem surgem países como  a Venezuela, o Haiti, a Coreia do Norte, a Síria, o Iraque, o Afeganistão, o Iêmen, a Eritreia, o Burkina Faso, o Níger, a Guiné, a Serra Leoa, a Libéria, a Guiné-Bissau e a República do Burúndi.

Portugal surge com alerta amarelo, ou seja, baixo risco nas ameaças à segurança.

Pode consultar o mapa aqui.

Ler Mais
Outras Notícias
Comentários
Loading...

Multipublicações

Marketeer
Guerra do streaming: consumidores dão oportunidade aos novos players
Automonitor
Marcas deverão despedir 80 mil pessoas nos próximos anos