TAP com novo recorde absoluto de passageiros

A TAP transportou no ano de 2019 um total de 17,05 milhões de passageiros. É um aumento de 1,29 milhões de passageiros, que se traduz num crescimento de tráfego de 8,2 por cento face ao ano anterior. A taxa de ocupação dos voos da TAP foi de 80,1 por cento.

Os indicadores de tráfego da TAP registaram uma evolução muito positiva nos últimos meses do ano, após um primeiro trimestre com sinais de abrandamento, o que permitiu encerrar 2019 com crescimento em todos os principais indicadores.

No primeiro trimestre de 2019, a TAP transportou 3,4 milhões de passageiros, o que constituiu mesmo um decréscimo de 0,3 por cento em relação ao ano anterior. Mas o acumulado de 7,9 milhões de passageiros no final do segundo trimestre já mostrava um crescimento de 4,8 por cento face ao período homólogo de 2018. Com um total acumulado de 13 milhões até final do terceiro trimestre, a recuperação do tráfego cresceu para 7,2 por cento face ao período homólogo do ano antecedente. Esta tendência de recuperação e consolidação do crescimento culminou com estes dados bastante positivos do quarto e último trimestre do ano, que se traduzem no já referido crescimento anual de 8,2 por cento.

Para este indicador muito favorável contribuiu mais um mês em que a TAP bateu o recorde absoluto de transporte de passageiros. Em dezembro de 2019, a Companhia transportou 1,3 milhões de passageiros, mais 14 por cento do que no mesmo mês de 2018, registando assim, em 2019, o melhor mês de dezembro de sempre da sua história.

Outras Notícias
Comentários
Loading...

Multipublicações

Marketeer
Marcas sem marca ganham força em 2020
Automonitor
Elétricos: Galp vai inaugurar primeiro ponto de carregamento em São Miguel