Covid-19: O que aconteceu ao tráfego aéreo com a pandemia? Veja a imagem

Tráfego aéreo caiu 41% nas últimas duas semanas de Março. Durante esse mês a média de voos diários foi de cerca de 145 mil.

O sector de aviação é um dos mais afectados pela pandemia de coronavírus Covid-19.

O encerramento das fronteiras pelos governos para conter o surto de coronavírus e a limitação de movimentos deixou praticamente todos os aviões em terra.

O Flightradar24 , serviço global de rastreamento de voos que fornece informações na hora, calculou que o tráfego aéreo no mundo foi 41% mais baixo na última quinzena de Março.

À medida que o COVID-19 se espalha por todo o globo, as companhias aéreas interrompem voos e os governos estabeleceram restrições de viagem, o que levou a uma queda do tráfego aéreo comercial.

De acordo com os dados da app, o número médio de voos totais no mundo por dia em Março de 2019 era de 176 mil. Em Março de 2020, esse número caiu para os 145 mil. O Flightradar24 observou ainda um declínio maior nos voos comerciais na última semana do mês, cerca de 55%.

«É esperado que essa tendência continue à medida que as companhias aéreas pararem mais voos», refere-se.

Imagem Março de 2020

 

Ler Mais
Outras Notícias
Comentários
Loading...