MSC Belissima pelas arábias

O mais recente navio da MSC está pronto para receber os viajantes numa jornada memorável por exóticos destinos de sonho. Entre em Abu Dhabi e durante a viagem conheça o Omã e o Dubai. Uma semana de puro deleite.

Por: Sandra M. Pinto em Abu Dhabi, Omã e Dubai | Fotos: MSC e Sandra M. Pinto 

Dá pelo nome de Belíssima e marca uma nova etapa na estratégia da MSC Cruzeiros. O primeiro de dois navios a serem entregues em 2019, quer marcar a diferença proporcionando viagens memoráveis não só pelos destinos, mas sobretudo pelo serviço com que recebe os viajantes.

Mas descubramos um pouco do que o Belíssima tem para oferecer nos seus 315 metros de comprimento. Idealizado com o objectivo de proporcionar uma experiência de cruzeiro única e levando em linha de conta as necessidades dos viajantes actuais, o Belíssima está apetrechado com um conjunto de inovações tecnológicas dignas de nota. Mas já lá vamos, vejamos antes os espaços que compõem a grandiosidade deste navio.

Desde logo os 10 tipos diferentes de camarotes onde é proporcionado um verdadeiro conforto sem precedentes, criado a pensar nas necessidades e interesses de toda a família. Conhecida por ser uma companhia onde a gastronomia desempenha um papel de extrema importância, a MSC não deixou os créditos por mãos alheias quando criou o Belíssima, pois dotou o novo navio de um sem número de opções gastronómicas, 12 para sermos mais precisos. São três os restaurantes principais, Lighthouse, Il Ciliegio e o Le Cerisier, aos quais se juntam o HOLA! Tapas Bar, o Butcher’s Cut, o L’Atelier Bistrot e o Kaito Teppanyaki e Sushi Bar.

Para os mais gulosos e apreciadores de chocolate o mestre pasteleiro Jean-Philippe Maury apresenta duas irresistíveis sugestões: uma loja de chocolate e café com uma chocolaterie aberta e uma loja de crepes e gelados. Como todos os navios de cruzeiro da MSC, também o Belíssima possui uma série de bares onde a descontração é imagem de marca, além, claro está dos fabulosos cocktails com e sem álcool. Há-os para todos os gostos e com diferentes ambientes, mas destacamos o clássico Champagne Bar, o pub Mestres dos Mares e o Edge Cocktail Bar.

De dia ou de noite entretenimento e diversão é algo que não falta aos passageiros do MSC Belíssima. Se durante o dia os espaços preferidos são as piscinas, quando a noite chega são os espetáculos que captam as atenções.

Além das tradicionais piscinas, o Belíssima surpreende com um dos mais delirantes parques aquáticos dos mares onde os mais novos se podem divertir na “spray area” do Aquaplay e todos podem escalar até à Ponte dos Himalaias, onde, seguros por uma corda, podem percorrer a largura de todo o navio por cima do mar. Diariamente há mais de 20 horas de entretenimento organizado, desde jogos à beira da piscina e actividades desportivas, até às aulas de dança. Os mais desportistas podem encontrar no Sportflex, 390 m2 da mais pura e saudável diversão pois a arena está disponível para a prática de uma série de desportos, como basquetebol, ténis, voleibol e futebol.

Os adeptos do running podem fazer o gosto às pernas correndo em torno do navio numa pista destinada a esse fim. Mas as opções de divertimento não ficam por aqui, pois os passageiros podem ainda testar os dois simuladores de corridas F1, o cinema XD imersivo, a pista de bowling de tamanho real com duas pistas e uma imensidão de jogos de vídeo. A juntar a tudo isto, o MSC Belíssima potencia uma aventura pelo desconhecido, proporcionada pela tecnologia Ubisoft e Triotech rumo a sucessos que incluem Rabbids e Assasin’s Creed, todos em definição 4K.

Quando a lua dita a noite, é hora de festa a qual equivale a muita dança num dos 11 espaços criados para esse efeito. Todos os dias até às 02h00. Isto depois de, no Carousel Lounge, assistir aos dois espectáculos exclusivos do Cirque du Soleil at Sea, Syma e Varélia. Uma referência à lindíssima promenade interior concebida ao melhor estilo das galerias italianas e que funciona como Polo Social Central do navio sob um céu de tecnologia LED de 80 metros. Com tudo o que lhe descrevemos esperamos ter captado a sua atenção
e desejo de conhecer o MSC Belíssima. Mas, se por acaso ainda não está totalmente convencido, descubra os portos por onde o navio vai passar. Garantimos que o passo seguinte é a reserva da sua viagem.

Abu Dhabi: puro luxo

Depois do navio ter atracado no Dubai, ao qual voltaremos dias depois, era tempo de seguir por terra firme até à capital dos Emirados Árabes Unidos, Abu Dhabi. Com uma área de 67 340 quilómetros quadrados, o maior dos Emirados apresenta-se como um destino de luxo. A imponência arquitectónica, não sendo de todo exclusiva de Abu Dabhi, ganha ali toques de um renovado requinte. É nele que se encontram os edifícios parlamentares, como o Gabinete Federal, além da maioria dos ministérios federais e instituições, as embaixadas estrangeiras, as instalações de radiodifusão estatais e a maioria das companhias petrolíferas. Mas esta não é apenas uma cidade institucional, pois Abu Dabhi é igualmente um destino que se quer afirmar cada vez mais cultural. Para que essa intenção adquira contornos de realidade foram abrindo espaços culturais, como o Museu do Louvre.

Situado na ilha de Saadiyat, o museu alberga mais de 600 obras reunindo peças de artistas consagrados como Leonardo Da Vinci, Vincent van Gogh e Pablo Picasso. Concebido pelo arquitecto Jean Nouvel, o museu é composto por conjunto de 55 edifícios brancos, com uma cúpula de 180 metros de diâmetro, composta por 7850 estrelas de metal, através das quais passam os raios de sol, as quais dão origem a um efeito que Jean Nouvel descreveu como “chuva de luz”.

Um dos pontos altos de uma visita a Abu Dhabi é conhecer a Grande Mesquita Sheikh Zayed. A imponência da belíssima obra da arquitectura islâmica não deixa ninguém indiferente. Visível ao longe, nada nos prepara para a beleza que vamos encontrar no seu interior. Inaugurada em 2007, a mesquita é uma homenagem ao Sheikh Zayed Bin Sultan Al Nahyan, o fundador dos Emirados Árabes. Com capacidade para acolher 40 mil fiéis, está classificada como a terceira maior mesquita do mundo, logo atrás das mesquitas de Meca e Medina, locais sagrados para os muçulmanos localizados na Arábia Saudita. Cúpulas, colunas, arabescos, mosaicos, geometria e caligrafia árabe. Tudo ali encanta e gera espanto nos visitantes.

As reluzentes 80 cúpulas brancas e os quatro minaretes sobressaem e fazem marcar a sua presença no skyline de Abu Dhabi.

Cada detalhe está integrado num conjunto arquitectónico maior fazendo desta mesquita uma verdadeira obra de arte a céu aberto. No
seu interior, três salões para as rezas diárias, sempre com mulheres e homens separados e acesso restrito. Atenção que para entrar as mulheres têm de tapar os cabelos, não podendo ter nem braços nem pernas à mostra. Curiosamente, e para que ninguém fique à porta, a mesquita tem à entrada um serviço de empréstimo de túnicas.

É o salão maior que impressiona pela sua grandiosidade. Coberto por aquele que é considerado como o maior tapete persa do mundo, o salão impressiona ainda pela presença de vários lustres com cristais, pedras semipreciosas, prata e outros materiais nobres. Destaque ainda para a parede central coberta por flores que compõem os 99 nomes de Alá citados no Islão.

Residência oficial do presidente dos Emirados Árabes Unidos e emir de Abu Dhabi, Khalifa Bin Zayed bin Sultan Al Nahyan, o Palácio da Nação encontra-se aberto a visitas. Assim, entre as 10h00 e as 20h00 os visitantes podem descobrir as maravilhas deste espaço único onde se encontra uma das mais luxuosas obras do mundo, Qasr Al Watan Library com mais de 50 mil livros, além das residências do vice-presidente e do príncipe herdeiro de Abu Dhabi, respectivamente Khalifa bin Zayed Al e NahyanMohammed bin Zayed Al Nahyan.

 

Artigo publicado na íntegra na revista Viagens & Resorts n.º 48 de Maio a Julho de 2019. Mais informações aqui aqui.

Ler Mais
Outras Notícias
Comentários
Loading...

Multipublicações

Marketeer
Cristiano Ronaldo promove curso que ensina a ser influenciador
Automonitor
Túnel do Marquês cortado no sentido Cascais-Lisboa devido a acidente