Já conhece o Garçom? Este é o novo empregado de mesa digital dos restaurantes

“Olá, o meu nome é Garçom”, começa por dizer o próprio, a personificação que a equipa criou para aquele que pretende ser o empregado de mesa pessoal de cada cliente.

«A ideia surge em tempos de pandemia, da necessidade que existe por parte dos restaurantes de se adaptarem a uma nova realidade», refere Tomás Mendes dos Santos, um dos responsáveis pela ideia, desenho e desenvolvimento do Garçom.

Os estabelecimentos, para que estejam reunidas todas as condições de segurança que evitem o contágio de Covid19, procuram soluções que reduzam o contacto físico entre pessoas, através da passagem de ementas, dinheiro, terminais de multibanco ou contacto com os empregados. Foi esta a base da criação do Garçom. Uma ideia que une a agência de comunicação Duzentos e a prestadora de serviços de outsourcing para agências de comunicação Pentool, que permite aos restaurantes utilizar um sistema que transmite aos clientes uma maior segurança, e que, ao mesmo tempo, foi pensado para otimizar o trabalho dos funcionários desde a cozinha ao serviço de mesa.
 
«O sistema foi desenhado para ser utilizado sem qualquer tipo de necessidade de explicação ao cliente. Todo o processo é simples, intuitivo e com acesso a ajuda através de um clique em todos os passos. Para o estabelecimento, o Garçom distingue-se pelo não limite de produtos, pela facilidade de edição das ementas e pela agilidade que oferece às equipas», refere Tomás Mendes dos Santos.

Segundo a equipa que desenvolveu o sistema, este resume-se em três passos simples: Escolher, Pedir e Pagar. Através de um QR Code na mesa, o cliente é encaminhado para a ementa do restaurante, onde para além de a consultar fará o seu próprio pedido e, no final da refeição, poderá pagar por MB Way.

Os pedidos dos clientes vão directamente do seu Smartphone para a Cozinha, evitando contacto físico e melhorando a eficiência de todo o processo. Será certamente uma experiência mais livre de enganos, atrasos ou perdas de pedidos. No entanto, sempre que conste alguma dúvida por parte do cliente, este pode solicitar a ajuda do funcionário do restaurante.

 

Os restaurantes/quiosques terão o garçom “com a sua farda” e podem optar por ter também serviço de Take Away ou reserva de refeição no espaço para aqueles almoços entre reuniões que têm de ser rápidos, através do Garçom.

«O Garçom é único no mercado com uma experiência simplificada, intuitiva e bastante rápida tanto para os clientes como para os estabelecimentos. Trabalhámos ao lado do staff dos restaurantes para perceber as necessidades e os detalhes para criar uma solução adaptada ao dia a dia de quem trabalha neste sector» afirma João Domingos, responsável pelo desenvolvimento tecnológico.

Ler Mais
Outras Notícias
Comentários
Loading...