Emirates estabelece padrões para cuidados médicos a bordo

A Emirates opera mais de 3 500 voos por semana, o que resultou em mais de 194 000 voos, em 2016. Ao longo destes 12 meses, a companhia realizou mais de 60 desvios devido a emergências médicas.

Um único desvio pode custar à Emirates entre 50 mil e 600 mil dólares americanos, dependendo da natureza do desvio.

Formação da tripulação e equipamento

Em 2016, a Emirates investiu perto de 23 000 horas em formação médica para pilotos e tripulação de cabine, garantindo a sua aptidão para ajudarem os passageiros a bordo sempre que necessário.

Toda a tripulação de cabine da Emirates passa por um programa de formação inicial abrangente, exigido pela Autoridade de Aviação Civil dos Emirados Árabes Unidos; de formação intercalar, de modo a manter as competências actualizadas; e de formação específica adicional, para aprender a manusear os equipamentos médicos a bordo.

Este programa engloba uma componente teórica e outra prática, preparando a tripulação de cabine para conseguir detectar e lidar, não só com situações comuns, mas também com as mais raras, que põem a vida em risco, onde o tempo de acção é essencial.

Ler Mais
Outras Notícias
Comentários
Loading...

Multipublicações

Marketeer
Esta Marketeer tem… voz!
Automonitor
Elétricos: Galp vai inaugurar primeiro ponto de carregamento em São Miguel