Descobrir o Brasil desde São Salvador

Fazendo da capital baiana ponto de partida, lançamos o desafio para que venha descobrir connosco três outros destinos: Costa do Sauípe, Morro de São Paulo e Itacaré.

Aterrar em São Salvador é chegar ao mais autêntico do que o Brasil tem para nos mostrar. Terra de tradições arreigadas, recebe quem chega com um enorme sorriso, muita música e uma gastronomia fora de série. Em seu redor são muitos os pontos de interesse que cativam cada vez mais visitantes e que também eles acolhem os turistas de uma forma hospitaleira e inesquecível.

Costa do Sauípe e a felicidade ali ao lado  

Fica a 75 quilómetros de Salvador, em plena Costa dos Coqueiros, numa área ambientalmente protegida, e estende-se por cerca de 172 hectares. No seu interior, se assim podemos dizer, vamos encontrar um conjunto de excelentes unidades hoteleiras de categoria internacional (Super Clubs Breezes, Marriott Resort & Spa, Renaissance Costa do Sauípe Resort, Sofitel e Sofitel Suítes), mais pousadas temáticas e o centro de lazer Vila Nova da Praia com bares, restaurantes, lojas de artesanato e muita animação.

Não há como ficar aborrecido ou entediado por aqueles lados, pois há muito o que descobrir e ainda mais para fazer. Da ginástica às aulas de dança tradicional, passando pelo golfe, há sempre com que entreter o tempo, o mais que não seja na praia em maravilhosos banhos de mar. O campo de golfe de 18 buracos, a partir do qual se avista a praia ao longe, está equipado com tudo do que os amantes do golfe precisam para treinar o seu swing e os mais inexperientes podem ainda solicitar aulas com um dos professores.

Não há quem resista às actividades aquáticas na Costa do Sauípe, muitas delas disponibilizadas no centro aquático onde a principal atracção é mesmo a Lagoa da Vaca, uma lagoa artificial com 1,5 quilómetros de largura e três metros de profundidade máxima. Os visitantes podem, além de tomar banho na lagoa, dedicar-se a outras actividades como andar de gaivota, canoa ou caiaque, pescar, praticar windsurf, surf ou body board, tudo com a máxima segurança pois há sempre monitores a supervisionar a prática de cada modalidade.

Já em terra firme é o centro equestre que mais cativa os turistas. Independentemente da idade, todos podem experimentar as emoções de andar a cavalo, pois serão sempre auxiliados por experientes instrutores. Os mais afoitos podem arriscar a um memorável passeio por entre as dunas, um acontecimento que nunca mais vão esquecer. Claro que depois disso, nada como uma massagem revigorante no spa do complexo de forma a recompor-se do esforço realizado.

Distando cerca de 20 quilómetros da Costa do Sauípe, a Praia do Forte é outro destino a não perder, aquando de uma visita a esta região brasileira. Foi na década de 70 do século XX que esta zona chamou a atenção, primeiro de investidores particulares, logo seguidos de investidores hoteleiros. De referir que hoje é sede do Projecto Tamar Ibama Brasil, dedicado à preservação das tartarugas marinhas e onde se podem ver cinco das sete espécies de tartarugas existentes em todo o mundo: Oliva, de Pente, Verde, Cabeçuda e de Couro.

Morro de São Paulo e a magia acontece

Mais de duas décadas depois da sua descoberta por parte dos turistas, continua a ser uma das jóias mais preciosas do litoral brasileiro. Localizada na ponta nordeste de Tinharé, uma das ilhas da Costa de Dendê, a vila do Morro de São Paulo é formada por três colinas interligadas: os morros de Farol, Mangaba e Galeão. Há duas décadas nada era como hoje, ou seja, o Morro de São Paulo resumia-se a uma simples vila piscatória de difícil acesso. Mas em vinte anos tudo mudou e actualmente é um dos spots mais apetecíveis para quem chega à Bahia em busca de lazer. Apesar de a sua aparência ter mudado, na essência o Morro continua o mesmo, ou seja, um destino habitado por uma população simpática e hospitaleira. Sem grandes complicações e na tentativa de descomplicar a vida dos visitantes, os pescadores batizaram as suas cinco praias de uma forma extremamente simples: da Primeira à Quinta. Para aceder a qualquer uma delas é sempre necessário atravessar a vila, sendo que carro ali não entra, a não ser os da manutenção que têm como função ajudar a resolver os problemas mais complicados que possam surgir, de resto é a pé que se anda no Morro de São Paulo.

Foi na praia Primeira que tudo começou. Com cerca de 500 metros de extensão, foi a ela que os primeiros turistas acorreram. Apta para a prática do surf, apresenta um sem-números de opções de actividades aquáticas. Conhecida como a Ibiza do Morro, a Segunda é a mais famosa e bem equipada das cinco praias do Morro de São Paulo, sendo o seu areal palco de jogos de voleibol, futebol ou mesmo exibições de capoeira. Os menos dados às actividades físicas podem optar por relaxar tranquilamente numa das espreguiçadeiras ali existentes. Se não for adepto da chamada socialização e o que pretende mesmo é descansar, nada como escolher a praia Terceira, onde o sossego é garantido. Como actividade preferida de quem a escolhe está o mergulho. Finalmente a Quarta e a Quinta que, num total, apresentam quatro quilómetros de comprimento com um areal banhado por uma água translúcida e morna povoada por recifes de coral habitados por uma série de espécies de peixes coloridos. Consideradas por diversas vezes como uma das mais belas praias brasileiras, em seu redor encontram-se pousadas absolutamente charmosas, bem como uma vegetação tropical luxuriante que atribui a cada língua de areia um ar de exótico cartão postal. A separar a Quarta da Quinta, um imenso e impenetrável mangue. De destacar a beleza do pôr-do-sol que ilumina o final do dia e que deixa encantados todos os que lá estão. Esta é sem dúvida uma das imagens que vai permanecer mais presente na memória dos visitantes.

Itacaré onde o surf é rei

Vamos descobrir Itacaré a Sul de Salvador, na chamada Costa do Cacau. Para viver tudo o que este destino tem para nos oferecer quatro coisas bastam, uma prancha de surf, um bom protector solar, uns ténis confortáveis para caminhar e uma máquina fotográfica. Munidos destes quatro itens é hora de aproveitar tudo o que esta localidade situada no litoral sul do estado da Baía tem para nos proporcionar. Itacaré sobressai pela diversidade de cores, sons, sabores e acima de tudo pela simpatia e extrema hospitalidade das suas gentes. Do cada vez maior número de visitantes que a ela acorrem destacam-se os amantes do surf, ávidos por ondas, e os apreciadores de ecoturismo. Ambos encontram neste destino o espaço certo para dar vazão às suas respectivas paixões.

Dona de praias para todos os gostos, Itacaré surge como um dos mais belos e paradisíacos recantos desta região. São mais de 10 praias, umas de águas tranquilas, outras com a ondulação perfeita para o surf, umas tão pequenas que não surgem nomeadas no mapa, outras donas de uma animação constante ao ritmo do forró. Para pernoitar, os visitantes podem escolher entre as pousadas mais familiares ou um dos luxuosos resorts, sendo que nada vai faltar pois em Itacaré existem inúmeros bares, restaurantes, lojas e agências para aluguer de automóvel.

 

 

 

 

Ler Mais
Outras Notícias
Comentários
Loading...

Multipublicações

Marketeer
O Natal da Meo rima com Apple TV
Automonitor
Novo VW ID. Space Vizzion tem 560 km de autonomia