Atlantis The Palm: O regresso da extravagância

Viaje até ao Dubai e entre no mundo do luxo e da extravagância

Todos sabemos que o Dubai é um dos destinos mais exóticos e luxuosos do mundo. Tal já não é novidade para ninguém. Mas o que é novidade é a abertura da sua mais recente unidade hoteleira. O Atlantis The Palm veio trocar as voltas a quem pensava já ter visto tudo no universo hoteleiro, surpreendendo com o seu luxo e extravagância até o mais céptico dos viajantes.

Por Sandra M. Pinto

De acordo com o Guinness World Book of Records a noite de inauguração foi assinalada com o maior fogo-de-artifício do século! Se terá sido o maior não sabemos, mas sabemos isso sim que foi magnífico, como magnífico é tudo o que diz respeito a esta nova unidade hoteleira. Este é um hotel que não podia ter sido construído em mais nenhum lugar a não ser mesmo o Dubai, terra por todos reconhecida como um oásis de luxo, requinte e muita, muita riqueza. Apesar de a crise monetária e financeira internacional ter atingido este emirado árabe unido, o facto é que nada parou: as lojas de griffes internacionais continuaram a abrir, os restaurantes de chefs de renome permanecem na lista dos melhores do mundo e as unidades hoteleiras que estavam programadas abriram e continuam a abrir portas. O facto é que nenhuma se assemelha ao Atlantis The Palm. Na verdade, nem nós estávamos preparados para tamanha grandiosidade e exuberância.

Luxo versus comodidade

Iluminado, o hotel transporta-nos para o universo da Alice do País das Maravilhas, onde tudo é possível e nada é demais. O sonho ali adquire uma faceta bastante palpável e real, mas apenas para quem tem uma conta bancária digna de nota, pois se tivermos em conta que o quarto mais barato custa a módica quantia de 35 mil euros por noite e o mais caro pode chegar aos 100 mil euros, depressa verificamos que viver este sonho não é mesmo para todos!

Mas, apesar destes valores a ocupação tem sido de praticamente 100 por cento, de acordo com os dados fornecidos pelos responsáveis! Facto bastante relevante tendo em conta que o hotel possui 1373 quartos e 166 suites. Cada um foi concebido de acordo com influências oceânicas e arábicas, num misto de elementos aquáticos e tendências arquitectónicas árabes. Tudo é completado com as soberbas panorâmicas que se obtêm a partir de cada aposento para as águas azuis do golfe arábico ou para o próprio parque aquático do hotel. Uma palavra para as Super Suites que integram o Imperial Club at Atlantis, onde a privacidade é ainda maior, pois este surge como um resort dentro do resort.

Ler Mais
Outras Notícias
Comentários
Loading...

Multipublicações

Marketeer
Marcas sem marca ganham força em 2020
Automonitor
Elétricos: Galp vai inaugurar primeiro ponto de carregamento em São Miguel