Alerta, ‘foodies’. Há um novo rodízio de churrasco brasileiro

É o terceiro espaço da marca Fogão Gaúcho.

Depois de meter a carne toda no assador no Carregado e em Carnaxide, Alverca é a morada do terceiro espaço Fogão Gaúcho. Picanha, cupim, costela. maminha: estes são apenas alguns dos protagonistas do menu.

O rodízio está disponível em três modalidades: o tradicional (12 momentos), que conta com as peças mais premium, o mini rodízio (seis momentos) e o rodízio de picanha.

O buffet está disponível todos os dias da semana, ao almoço e ao jantar. Entre as dezenas de opções, há entradas como pão de queijo, coxinhas de galinha e croquetes de costela, feitos a partir das partes da costela não utilizadas noutras confecções, mas também acompanhamentos, como banana milanesa, mandioca frita e farofa, vários tipos de saladas, pratos quentes, queijos, fruta e sobremesas.

Com 520 metros quadrados, o Fogão Gaúcho de Alverca é o maior da marca até à data. Com decoração inspirada nas tradicionais habitações gaúchas, tem 180 lugares sentados. Conta também com o primeiro grelhador Ofyr em Portugal, que permite grelhar carnes a lenha.

O Fogão Gaúcho foi fundado em 2017 por Saulo Cardoso, brasileiro que durante anos assumiu as funções de chef executivo do grupo Doca de Santo, e do português Artur Silva. O primeiro restaurante da marca abriu  no Carregado.

Percorra a fotogaleria abaixo e conheça melhor o espaço e algumas das propostas do menu:

Ler Mais
Outras Notícias
Comentários
Loading...

Multipublicações

Marketeer
Guerra do streaming: consumidores dão oportunidade aos novos players
Automonitor
Marcas deverão despedir 80 mil pessoas nos próximos anos