Alentejo Marmòris Hotel & Spa, onde o mármore é rei e senhor

Terra de reis e aristocratas, Vila Viçosa surge como um destino senhorial e distinto que em, pleno Alto Alentejo, proporciona dias repletos de história e tranquilidade. São já várias as unidades hoteleiras que ali acolhem os visitantes. A que lhe apresentamos hoje chama-se Alentejo Marmòris Hotel & Spa.

É uma das mais belas localidades alentejanas. Escolhida durante anos por monarcas e membros da nobreza nacional, que por ali instalaram casas de Verão onde iam permanecendo para além da época estival, Vila Viçosa apresenta-se hoje como um destino de elevadíssima qualidade. Escolhida por muitos para passeios culturais, por ela e seus arredores passam várias rotas, como a dos vinhos e a dos mármores. Este último é, aliás, uma das razões da vila ser tão bela e, simultaneamente, tão solicitada. À sua volta são muitas as impressionantes pedreiras de onde é extraído o precioso material que leva o nome da vila e de Portugal a praticamente todo o mundo, com evidente enfoque na Arábia, onde são verdadeiramente fãs do mármore de Vila Viçosa. O mármore foi também o motivo do nascimento da mais jovem unidade hoteleira da vila, o Alentejo Marmòris Hotel & Spa, onde tudo o homenageia. Chegámos já noite cerrada, depois de uma paragem obrigatória na localidade vizinha de Estremoz para um jantar memorável no restaurante Cadeia Quinhentista (www.cadeiaquinhentista.com). Demasiado cansados para apreciar devidamente o hotel, optámos por deixar as descobertas para o dia seguinte e deixámo-nos ir numa noite de sono digna de reis.

Em nome do mármore

Instalado no piso térreo do hotel, o nosso quarto tinha saída privada para a zona da piscina o que proporcionou uma comodidade ainda maior. Espaçoso o suficiente para acolher dois adultos e uma criança e decorado em tons de azul, era possuidor de uma beleza tranquila e relaxante facto que o transformava num espaço de absoluto conforto, do qual saímos revigorados rumo ao pequeno-almoço. Ao nosso juntam-se mais 44 aposentos, entre quartos e suites, sendo que o que mais impressiona é a suite árabe, um mundo de luxo e requinte imaginado para receber quem acima de tudo procura pernoitar num espaço de sonho.

De portas abertas desde Fevereiro último, o hotel está instalado num edifício onde antes existia o antigo lagar de azeite da Cooperativa de Olivicultores, e onde, no decurso das obras, foi descoberta parte do que possivelmente foi uma pedreira, cujos resquícios podem vistos na imponente parede do spa. Seja no chão ou nas colunas, na recepção ou no restaurante, o mármore é o elemento predominante, sempre presente na vida quotidiana do hotel, facto que o torna único em todo o mundo.

Sonhado por uma família que não sendo natural da vila ali ganhou raízes estando ligada desde sempre ao negócio do mármore em Vila Viçosa, o Marmòris surge como um dos mais luxuosos hotéis, não só do Alentejo, mas de todo o país. A elegância da conjugação dos materiais é acompanhada pela simpatia de um staff jovem e com muito para dar. Tecidos requintados conjugam-se com peças de mobiliário de grande qualidade para oferecer um ambiente pleno de elegância. A tarefa de dar forma ao hotel foi entregue ao arquitecto João Paulo. Já a decoração é toda ela da responsabilidade do arquitecto Miguel Câncio Martins, profissional de reconhecida qualidade em Portugal e no estrangeiro, e que para o Marmòris imaginou um mundo inspirado no mármore com enfoque na influência que os romanos tiveram neste negócio e em Vila Viçosa.

À mesa

Ao nível dos espaços de restauração, o Marmòris apresenta duas opções. Para almoços ou snacks leves, é disponibilizada uma carta de saladas e sanduiches servidos à beira da piscina, enquanto o restaurante Narcissus proporciona refeições mais requintadas e elaboradas. Aberto ao almoço e ao jantar, é no decurso da última refeição do dia que o restaurante surge em todo o seu esplendor. Decorado de uma forma elegante, todo o espaço está virado para a enorme janela aberta para a cozinha. Com um menu baseado na melhor cozinha alentejana de terroir, o Narcissus é comandado pelo chef Alexandre Silva, vencedor do concurso «Top Chef» da RTP. Das muitas iguarias por ele idealizadas, centrámos as nossas escolhas no camarão braseado, com leite de amêndoa e caviar de tomate e na farinheira de Extremoz com rabado e pickles de maçã de Portalegre, para entrada, seguidas do lombo de bacalhau escalfado com cebolinhas e lombardo salteados com mel e do rabo de boi estufado com puré de cherovia, legumes e verduras glaceadas. A conjugação de sabores, por vezes surpreendente, não defraudou a expectativas que tínhamos relativamente à cozinha do chef Alexandre Silva, antes as superando.

Tempo de relaxar

Enquanto os mais novos apreciam, sobretudo, passar grande parte do tempo na piscina do hotel, os pais optam por desvendar os serviços do Stone Spa. Um dos poucos spas com a marca Cinq Mondes são variadas e apelativas as massagens e tratamentos ali disponibilizados, como o Ritual Brasileiro Creme de Café, com propriedades adelgaçantes e reafirmantes. O Stone Spa dispõe de quatro salas de tratamento, piscina interior e exterior, banho turco, circuito aquático de relaxamento, duche escocês e centro de fitness da marca Ffittech. De referir que aberto igualmente a não hóspedes, o spa oferece a estes um desconto de 20 por cento sobre o valor de cada massagem e/ou tratamento.

Fora do hotel

A filosofia dos responsáveis do hotel passa por integrar a unidade no espaço que a rodeia. Desta forma, e para que os hóspedes possam usufruir ainda mais do imenso potencial que a região tem para oferecer, foram criados vários programas cujo objectivo é dar a conhecer a zona nas suas mais diferenciadas vertentes. Sob os nomes apelativos de «À descoberta de Vila Viçosa», «Descoberta e Sabores» e «Retiro ao Alentejo», cada um deles integra um conjunto de actividades dentro e fora do hotel que se harmonizam de forma a proporcionar instantes únicos de tranquilidade e descoberta. Optámos pelo programa «Retiro ao Alentejo», o qual inclui, além da estadia para duas pessoas, welcome VIP e jantar para dois no restaurante do hotel, livre acesso ao circuito de relaxamento do Stone Spa, duas massagens (uma para ele e outra para ela) e um roteiro cultural por Vila Viçosa. Conduzidos pelo solícito e sabedor guia Norberto, no decurso do referido roteiro visitámos duas pedreiras (uma em funcionamento e outra desativada onde se têm realizado alguns concertos), o Palácio Ducal e o castelo de Vila Viçosa.

Por Sandra M. Pinto

Fotos Luís Pissarro

Ler Mais
Outras Notícias
Comentários
Loading...

Multipublicações

Marketeer
Nova Kinda de Oeiras tem um corredor infinito e um Design Studio
Automonitor
Cepsa Black Week começa esta sexta-feira